I Seminário da Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos da Bahia

Nos dias 02 e 03 de setembro de 2010 aconteceu o I Seminário da Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos e a sua 5ª reunião, onde participou do encontro a Secretária Executiva Srª Carina Cezimbra - SEAGRI/SUAF; Ilmo. Srº Eduardo Salles - Secretário da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária do Estado da  Bahia (SEAGRI); Srº. Vanderlan Araújo da Silva (COOPERJ); Srº Ronaldo Almeida (Prefeito Município de Jussara); Srº Ailton Mendes Dias (Vice Prefeito Município de Jussara); Srº. Francisco de Souza (Secretário de Agricultura Municipal), Srº. Joelson Matos (Gerente Regional da EBDA); Srº Antônio Lemos Maia Neto (Fiscal ADAB), Srº Val (SEINFRA).

O Srº Vanderlan Araújo da Silva – Presidente da Cooperativa dos Empreendedores Rurais de Jussara – COPERJ, deu boas vindas aos participantes e informou sobre a importância dos projetos Implantados no Município de Jussara, em seguida bem como Srº Ronaldo parabenizou a diretoria da Cooperativa e desejou boas vindas. O Secretario da Agricultura do Estado da Bahia propôs a continuidade do Projeto de Melhoramento Genético de Caprinos e Ovinos e falou sobre a importância da Câmara de Caprinos e Ovinos para o desenvolvimento da cadeia; O início das apresentações aconteceu com a apresentação do Sr. Vanderlan que explicou  como surgiu a COOPRERJ, seu histórico, os programas e projetos implantados pela COOPERJ (Projeto Cabra de Corda, Projeto do Abatedouro-Frigorífico de Caprinos e Ovinos, Programa de Capacitação Permanente, Programa de Assistência Técnica e Extensão Rural, Projeto do Curtume para Peles Caprinas e Ovinos, Projeto do Laticínio para Leite Caprino e Bovino, Desenvolvimento e implantação do Software CAPRISOFT, Projeto Tecnologias para a Cadeia do Leite, Projeto de Capacitação Tecnológica de Convivência com o Semi-árido, Elaboração e Implantação de Plano de Produção de Cabritos e Borregos, Elaboração e Implantação de Plano de Gestão do Complexo, Revisão do Plano de Produção e Plano de Gestão do Complexo, Projeto CEP Controle de Produção Especifica Industrial, Projeto de Compra Antecipada e PROGRAMA FOME ZERO). Também demonstrou os Investimentos Realizados e Demanda de Recursos para  Operacionalização do Complexo bem como a lista dos cooperados tanto no frigorífico quanto no laticínio, também falou sobre a marca “Zabelê” própria da Cooperativa e que está sendo trabalhada pelo SEBRAE .

Continuando as apresentações o Srº Jason Ferreira Primo Júnior – Coordenador do Núcleo de ATER da Fundação APAEB, explicou que a APAEB não é uma empresa com fins lucrativos e falou sobre sua estrutura e que é uma associação com projetos econômicos, onde todo os resultados  são  reinvestidos na comunidade. A área de atuação da associação é o território do Sisal descrevendo a situação edafoclimártica dos municípios que compõem este Território. Apresentou também o Projeto Laticinio DACABRA onde os Fornecedores são selecionados dentre os associados e recebem Ater, podendo acessar o PRONAF, o leite é fornecido em sistema de cotas e São realizadas reuniões bimestrais. O laticínio possui regras de funcionamento e os fornecedores devem enquadrar-se para fazerem parte do grupo.

Sr. Erivaldo de Santana Dias apresentou a experiência da COOPSISAL e explicou que os produtores receberam capacitação da APAEB e hoje comercializam seus produtos com a CONAB o que permitiu melhoria na renda dessas pessoas.

A apresentação sobre o Projeto de Inclusão Sócio-produtiva com o Fortalecimento da Economia dos Pequenos Produtores Familiares do Semi-árido Baiano, foi realizada pelo Sr. Carlos Silveira. O objetivo do referido projeto é promover a inclusão Sócio-produtiva com o fortalecimento da Economia dos Pequenos Produtores Familiares  do Semi-árido Baiano, com investimentos em apoio técnico financeiro e mecanismos de incentivo à inclusão sócio-produtiva. Os beneficiários são as Famílias inscritas no Cad Único, beneficiários do Programa do Governo Federal Bolsa Família e a área de abrangência são os municípios da primeira etapa do Programa Terra de Valor. Com relação a caprinocultura leiteira o projeto pretende atender a 1.000 beneficiários diretos com a criação de estruturas que possibilitem a produção de leite durante todo o ano, proporcionando a existência de alimentação em quantidade e qualidade para as matrizes, garantindo a sustentabilidade durante o período de estiagem, bem como a qualidade do leite a ser beneficiado  capacitando tecnologicamente os produtores.

Quanto ao papel do serviço de inspeção estadual o Sr. Adilson Pinheiro - Coordenador de Operações Especiais – DIPA/ADAB, que é Coordenador de Inspeção, apresentou a estrutura da Agência e os desafios da cadeia produtiva do leite da Bahia frente a qualidade – conseguir os selos de inspeção Federal, Estadual e Municipal para isso alguns pontos devem ser superados: Modernização das indústrias - instalações e equipamentos; Diversificação da linha de produção e estimulo ao registro dos demais produtos nos Serviços de Inspeção. (SIE); Dinamizar o comércio; Melhorar a qualidade do leite produzido; Aumentar os pólos produtores em regiões estratégicas e já com alguma tradição na área; Inibir o comércio informal de leite e derivados na porta das casas; Fomentar a formação de novos pólos de leite de cabras. Falou também sobre Programa de Segurança Alimentar: BPF/PPHO/ APPCC/ Saúde Publica/ Fraude econômica/ Perdas Baixa Qualidade e apresentou um filme que demonstrou as condições precárias de higiene para a produção de queijo, o que dificulta a aquisição de selos de qualidade.   

O Sr. Jailson Cedraz – SEBRAE, Falou da Associação de Pequenos Produtores de Quicé localizada no  município de Senhor do Bonfim e que tem como objetivo promover o desenvolvimento e assistência aos pequenos agricultores e agricultoras em seus aspectos educacionais, culturais, sócias, agrícolas, tecnológicos, jurídicos, econômicos e financeiros. Falou do Projeto para elaboração da Usina de Beneficiamento de Leite de Cabra em QUINCÉ. A missão da associação é colocar nos mercados interno e externo produtos derivados do leite de cabra e de vaca em quantidade e qualidade que satisfaça consumidores, produtores e colaboradores, além de fomentar o desenvolvimento sustentável do território. Os produtos produzidos são leite de cabra, de vaca, iogurte com polpas de frutas os produtos possuem o selo de inspeção estadual (SIE).

O medico Veterinário Paulo José Theóphilo Gertner (Zeca), da Suporte Assessoria Veterinária, Gerente de registros de caprinos da ACCOBA, Coordenador na BA do Programa de Melhoramento Genético de Caprinos da EMBRAPA e membro da Comissão do PMGC da ABCC, falou como os índice de inseminação ainda oscilam muito, pois os fatores que influenciam os resultados são muitos, sendo a nível de pequenos agricultores familiares taxas ainda baixas, entre 30% e 60% o que explicita ainda a grande necessidade de assistência técnica para os produtores poderem acessar determinadas tecnologias, tendo que trabalhar forte na base com sanidade, nutrição e manejo geral.

Mas, Zeca chamou a atenção da importância da massificação dos programas de melhoramento, e sugeriu que os programas Oficiais de compra da produção contemplassem a possibilidade destes animais serem controlados com registros, mesmo se tratando de animais S.R.D. e em programas de cruzamentos, nos diferentes graus de sangue, pelas estaduais aqui no caso a ACCOBA, pelo sistema da ABCC, participando de programas que orientando a seleção permitiria o aumento da produção de Leite com o Genótipo x Ambiente mais indicado para cada sistema. Engajado ou não em Testes de Progênie e  demais avaliações Zootécnicas, concluído que o momento de organização na Bahia e o grau de comprometimento das diversas autarquias envolvidas nunca esteve tão propicio a estes avanços no Estado.

No dia 03 de setembro houve visitas aos empreendimentos e às propriedades rurais no município de Jussara:

1° Visita ao Laticínio COPERJ/ACCOJUS – Sr. Vanderlan, Informou que recebe por dia 800 à 900 litros de leite de Cabra e em média de 1.000 à 1.500 litros de leite de vaca. Tem em média 56 produtores (associados), fornecedores de leite de cabra e vaca. Em Janeiro há aumento de leite no mercado. Possuem um tanque de expansão com capacidade para receber 3.500 litros de leite para armazenamento. Será instalado um Programa de Treinamento na parte contábil para os funcionários (treinamento/ orientação).

2° Visita Frigorífico - COPERJ/ACCOJUS - Sr. Vanderlan explicou que atualmente 42% do que é abatido é comercializado com a CONAB, até dezembro 130 toneladas devem ser entregues à companhia; Aplicação das boas práticas (adequação ao mercado consumidor); a equipe vem sendo treinada para passar de 25 animais abatidos por hora para 35 animais por hora. Atualmente o trabalho que esta sendo realizado tem o apoio do SEBRAE sobre a questão da marca Zabelê.

Futuramente pretende-se a ampliação da câmara fria para que acompanhe o aumento da produção. Associação está encaminhando nova proposta para a SEDES para o ano de 2011. O desafio é não perder a venda dos 30% do que é rejeitado de caprinos e ovinos pelo mercado bem como não perder o mercado institucional. Mas ainda é grande o preconceito em relação ao leite de cabra, porém há muito espaço para que haja investimentos na criação de caprinos e ovinos bem como equipamentos e estrutura para processamento de seus produtos.

3° Visita a Propriedade – Produção de Gado de Leite

Grupo de irmãos que retornaram de São Paulo, e se estabeleceram na região para investir na Bovinocultura leiteira com instalações rústicas e tecnificação da alimentação, visando sempre a utilização racional da terra. Produz em média 450 litros/dias e tem a meta de produzir 1000 litros/dias até dezembro 2010. O leite é todo processado na Cooperativa. Hoje é considerada a maior cidade de desenvolvimento.

4° Visita a Propriedade - Cabra de Leite

Sr° Gilvan apresentou sua propriedade bastante funcional apesar de rústica e demonstrou que não é necessário muita sofisticação para a produção de leite de cabra no semi – árido. Nos informou também que após 50 dias de parida há possibilidade de trabalhar com 3 litros/dia de leite a apartação total acontece em 45 dias.

Cabras que produzem de 2,5 – 3 litros de leite/dia são realizadas 2 ordenhas o que evita machucar muito o animal. A estrutura suspensa foi trocada pelo chão batido devido a problemas respiratórios devido a ventilação intensa. Fornece casca de mandioca triturada, sal mineral, palmas forrageira, feno, leucena, sorgo forrageiro.

Possui animais: Saanem, Murciana, Bôer, Canindé, Anglonubiana e esta muito animado com a possibilidade do cruzamento denominado “Sanglo” (Saanem X Anglonubiana). Em torno de 8 meses cruzam e após 5 meses de gestação inicia a produção.

5° Visita a Propriedade de Irrigação engorda de Gado Bovino

Na propriedade do Sr Marcos, onde nos foi oferecido um belo almoço, podemos conhecer uma propriedade familiar que produz tomate e gado leiteiro. A produção vegetal é irrigada através de água armazenada em um grande reservatório construída na área e também o grupo conheceu o plantio de palma adesada,produzindo 35 Tn/ha, que é fornecida aos animais.

As visitas a campo permitem que os componentes da câmara tenham oportunidade vê os problemas do setor e as experiências bem sucedidas de conhecer a pecuária principalmente de pequeno porte, nas diferentes regiões do Estado.  

Deu-se direcionamento aos encaminhamentos deste e de ouros encontros da Câmara e definiu-se que o próximo encontro será no Distrito de Caldas do Jorro, município de Tucano- BA, Hotel Pousada do Jorro, Pça ACM, nº48, na região da Rota do Bode  nos dias 20 e 21 de Outubro de 2010.

Objetivo: Oficina para elaboração de documentos sobre as ações para a Cadeia, deliberados pela câmara em reuniões anteriores.

As entidades a serem convidadas para próxima reunião: FETRAF, UNICAFS, FETAG, CETA, FRIG. PINTADAS PILAR, SEDIR, CDA, CERB, CET, SECTI, SEDES, SEBRAE, Quicé/APAC, BB, OCEB, COAP, FUNDO DE PASTO, FRIGO. PANTANAL, UFBA, IDR Sisal, UNEB Juazeiro, UESB,  IF Baiano, Casa Civil e Ministério Público.  

Por: Paulo José Theophilo Gertner (Zeca)
Médico Veterinário CRMV - BA 2922
Celular: 71- 9148-7781 / 75- 9979-9581
pgertner@yahoo.com.br
www.zecagertner.vet.br